Bath, além dos banhos romanos: o relato da Angelina!

Hoje tem mais um post-convidado! Em nossa viagem pelo Reino Unido, passamos por Bath, mas pegamos taaanta chuva que não conseguimos aproveitar quase nada desta cidade tão linda, famosa pelas termas romanas e por já ter sido morada da escritora inglesa Jane Austen!!!! 
Ainda bem que minha amiga Angelina Marzochi nos conta tudo! Aliás, os relatos dela me inspiraram muito a viajar pelo Reino Unido!! 
Bath, Inglaterra
Rio Avon, em Bath

Bath 
A partir de Londres, na estação de Paddington, você pode pegar um trem para Bath numa viagem deliciosa de uma hora e meia. Vale a pena gastar um dia todo nessa elegante cidade de arquitetura georgiana.

A cidade tem uma forte herança cultural e tem uma série de teatros, galerias de arte e festivais anuais de literatura, cinema e arte. Há 17 museus dentro de uma milha quadrada, incluindo o Museu Holburne, o Jane Austen Centre e os banhos romanos.
Bath, Inglaterra
Rio Avon
Bath foi estabelecida como uma cidade termal com o nome latino Aquae Sulis pelos romanos por volta do ano 60 d.C, os quais construíram um templo e os famosos banhos romanos - agora restaurados. 
É impressionante o estado de conservação de “The Roman Baths”, andar pelas galerias, conhecer toda a engenharia romana com suas piscinas e seus sistemas de aquecimento, que foi edificada na época do Imperador Vespasiano em 75 d.C. e redescoberta em 1775, quando, então, começaram as escavações.
Bath, Inglaterra
Termas Romanas - Roman Baths
As termas estão abaixo do nível da rua e os edifícios descobertos após as escavações foram divididos em quatro grupos, entre os quais estão o "Manancial Sagrado", o "Templo Romano", as próprias "Termas romanas" e a "Casa Museu” (Preço adulto - 14 libras).
Bath, Inglaterra
Do período Elizabetano ao Georgiano, a cidade sempre foi frequentada pela elite londrina. Sua popularidade como uma cidade termal durante a era georgiana levou a uma grande expansão que deixou uma herança de arquitetura georgiana trabalhada a partir da “honey-coloured Bath stone” – pedra cor de mel, que lhe rendeu a classificação de Patrimônio da Humanidade, pela UNESCO em 1987.
Bath, Inglaterra

Se você resolver pernoitar nessa elegante cidade, um Bed & Breakfast pode ser uma boa opção. Tenho algumas ressalvas com a comida inglesa, principalmente com o “full English Breakfast”. Contudo, tive uma ótima experiência no The Albany Guest House. Os proprietários Matt e Mary prepararam o melhor café da manhã que comi em oito meses de Inglaterra. Se você quiser conferir, segue o endereço: 24, Crescent Gardens, Upper Bristol Road, Bath.


**** Muito obrigada pelo relato e pelas fotos, Angelina!!****

Se quiser ver outro post escrito por ela, confira aqui! E se quiser dividir suas experiências de viagem com outros leitores, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Se estiver procurando hospedagem em Bath ou em qualquer outro lugar, reserve pelo Booking, nosso parceiro! É só clicar no banner abaixo:



Já está nos seguindoFique por dentro de todas as postagens, acompanhando nossas redes sociais: FACEBOOKINSTAGRAMGOOGLE + e TWITTERAssine também nosso FEED! Assim, você não perde nenhuma novidade!

Quer saber mais?
Quem também visitou Bath (e deu mais sorte com o clima..rs) foi a Francine do blog Viagens que Sonhamos. Confira aqui!

2 comentários

  1. Adorei, Bath é tão pertinho de mim mas nunca me interessei por lá ... mudei de idéia
    Beijocas
    Li
    http://www.criandofilhospelomundo.com/

    ResponderExcluir
  2. Que bom, Liliane!!! Dá até para fazer um bate e volta, né? Bjs

    ResponderExcluir

Queremos saber sua opinião! Deixe um comentário!!!

Trilhas e Cantos. Tecnologia do Blogger.
Topo