Thermas dos Laranjais, em Olímpia, SP: saiba tudo para planejar seu passeio

O Thermas dos Laranjais colocou Olímpia, SP no mapa de turismo há vários anos. Aproveitando as águas termais da cidade, que ficam naturalmente a uma temperatura de 32 graus, o thermas recebe cerca de 2 milhões de visitantes por ano!! Com o sucesso do parque, Olímpia ganhou muitas opções de hospedagem, incluindo vários resorts e, em breve, mais um parque aquático será inaugurado na cidade.

Neste post, reuni uma série de dicas para te ajudar a planejar seu passeio ao thermas, incluindo informações sobre as atrações, preços, alimentação, e dicas bem práticas como o uso armários e o cartão de consumo. Vamos conferir?

Atrações

O thermas tem diversão para todos os gostos: desde atrações familiares, área infantil, com várias opções para os pequenos e até brinquedos mais radicais. 


Para quem gosta de se aventurar, é um prato cheio, mas também tem muita coisa para quem só quer relaxar, como os ofurôs ou a piscina "Sonolência". O nome diz muito, porque há lugares para você encostar e tirar uma soneca na água morninha. Perfeita para o final de tarde, quando bateu aquela canseira!

Há também duas "praias" com ondas artificiais, mas estas têm água fria mesmo! Outra atração bem interessante é o mar de Israel: uma piscina com bastante sal, em que você não afunda, ou a ressurgência, que tem jatos fortes de água que também não deixam os banhistas afundarem!
Algumas das atrações que mais "bombam" são os toboáguas, o surf, a asadelta e a xícara maluca. No surf, você fica tentando se manter na onda, com uma prancha de bodysurf. Quem tem habilidade, pode tentar "surfar" em pé! 
A xícara maluca começa em um toboágua fechado, que cai em uma "xícara" na qual a pessoa fica rodopiando até cair em uma piscina. Pra falar a verdade, parecia mesmo uma descarga!!! E para quem é bem corajoso, os toboáguas Everest (30 m) ou Kamikaze são os brinquedos mais altos do parque. 

Além de todas as atrações aquáticas, o termas ainda tem um zoológico e uma fazendinha, em que as crianças podem interagir com animais.


Dicas importantes:


O melhor a fazer ao entrar no parque é deixar todos seus pertences em um armário e ficar de roupas de banho. Se estiver fazendo frio, leve no máximo uma toalha ou roupão para os pequenos. Isto porque se todos do grupo resolverem entrar em uma mesma atração, não vai ter jeito: vai molhar! 


E olha que muitos brinquedos têm fila, então se ficar uma pessoa para segurar os pertences, vai demorar um bocado. Se quiser tirar fotos, é importante ter uma bolsa à prova d'água para celular - daquelas de pendurar no pescoço.

Armários:

Cada armário custa R$20,00. Como os armários não são grandes, leve mochila ou bolsa pequena. Eu estava com uma bolsa de praia novinha e tive que fazer o sacrilégio de amassar a coitada! Mas consegui colocar todas nossas coisas em um armário só! Há um bloco de armários já na entrada do parque, mas é mais prático deixar nos laranjas, mais próximos à maioria das atrações. A chave do armário vem em uma pulseira com velcro, para prender no braço ou perna.

Cartão de consumo:

Embora a maioria dos bares e lanchonetes aceitem cartão de crédito, o melhor a fazer é pegar um cartão de consumo na portaria, na entrada do parque, para não ter que ficar segurando carteira. Você "carrega" o cartão com o valor que quiser (pode pagar o valor em cartão de crédito) e se sobrar algum saldo, é devolvido na saída. Achei super prático! De quebra, ele vem como um cordão para pendurar no pescoço
Mas não coloque pouco dinheiro, senão vai faltar. Os preços dentro do parque não são tão amigos assim... Por exemplo: um pastel custa 9,00 e uma lata de refrigerante ou caixinha de suco custa cerca de 6 reais.

Alimentação:


São cerca de 25 estabelecimentos dentro do parque aquático: há 12 bares -incluindo alguns "molhados"- várias lanchonetes, pizzarias, restaurantes, creperia, esfiharia, pastelaria,  cafeteria... Enfim, não vai faltar opção!



Estacionamento: 

É grátis e bem grande, com muitas vagas. Também achei seguro, pois é preciso passar por uma cancela para entrar e sair.

Cuidados: 

As crianças até 6 anos devem usar bóias, como medida de segurança. O parque parece ser bem seguro, mas não dá pra descuidar nem um minutinho dos pequenos. Há alguns brinquedos em que se exige altura mínima (1,20 m) e idade a partir de 6 anos.

Quanto tempo?

Dizem que 2 dias é o ideal para conhecer tudo com calma. Mas passamos apenas um dia inteiro lá e foi suficiente. No outro dia resolvemos ficar curtindo o hotel.

Preços:

Durante semana: (R$ 60,00 inteira/ 30,00 meia)
Finais de semana: (R$ 90,00 inteira/ 45,00 meia)
Alguns feriados têm preços diferentes (um pouquinho mais caro que o normal)
Há promoção de alguns hotéis e pousadas com a possibilidade de comprar ingressos para o segundo dia com 50% de desconto. (Confira a lista dos hotéis cadastrados aqui). 
Os ingressos podem ser comprados no próprio site do parque, mas é bom se informar sobre os descontos, durante a reserva do hotel/pousada.

Como chegar:

Olímpia fica a 440km (cerca de 5 horas de viagem) de São Paulo. O aeroporto mais próximo fica em São José do Rio Preto, a 45 minutos de carro.
Endereço: Avenida do Folclore, 1543, Olímpia, SP.
Informações: (17) 32793500

Onde se hospedar:

Há diversas opções, incluindo hotéis com acesso direto ao parque e pousadas para vários orçamentos. Nos hospedamos no Celebration Resort, pelo blog Viajo com Filhos e escrevi um review (confira aqui) O hotel fica a 500m do Thermas e achei uma ótima opção para famílias com crianças.
Celebration Resort
Confira aqui neste link as opções de hotéis pelo Booking, nosso parceiro.

Para mais informações, visite o Site Oficial do Thermas!

Espero que tenha gostado das dicas! Qualquer dúvida ou palpite, deixe um comentário! E continue nos acompanhando! Pra não perder nada, bora seguir o @trilhasecantos no facebookInstagram e através de nosso feed

9 comentários

  1. Que lugar lindo!!!
    Eu já fiquei morrendo de vontade de passar a tarde atirada em uma boia dessas.
    Adorei a dica! Nem sabia que tinha águas termais em SP.

    Beijão

    ResponderExcluir
  2. Tão "perto' do RS e eu ainda não conheço. Meu filho, com certeza, aprovaria. Que delicia de parque. Blogueiros são indispensáveis para mostrarem o que muitas vezes fica "oculto" . tem lugares que a gente nem imagina que estejam tão próximos...Parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
  3. Era pertinho e eu nem fui hein???? Achei super bacana o lance do cartao pre pago, podiam adotar em todos os parques né? Esse lance de carteira é um saco. Mas, como todos os parques fechados, sempre gasta-se um horror mesmo. Mega inflacionados, mas já que tá na chuva, é pra se molhar.... Besitos.

    ResponderExcluir
  4. Ótimo post. É um lugar que estou querendo há muito conhecer. Apenas esperando um feriadão. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Nossa, nunca tinha ouvido falar! Adorei saber que em SP tem um lugar assim :-).

    Clau
    @AsPasseadeiras

    ResponderExcluir
  6. Eu só ouço e vejo maravilhas desse parque. Eu adoraria conhecer mesmo. Amo piscina, amo parques e tô desejando um calorzinho. Pena que tá longito para mim. Mas curti bastante o post.

    ResponderExcluir
  7. Estamos loucos para ir!! Em Abril vamos para o Brasil e como iremos até Jaboticabal.... olímpia é só mais um pulinho!!! Adorei!!

    ResponderExcluir
  8. Fui trêas anos atrás mas achei muito cheio. Estávamos hospedadas no hotel anexo ao parque e tinhamos acesso ao prque mas bastou uma horinha lá pra percebermos q a piscina do hotel era mais negócio. Não fosse a lotação absurda acho que teríamos curtido muito porque atrações não faltavam. Ficamos com vontade de voltar num dia de semana pra tentar curtir melhor! Bom saber que com menos gente é um passeio bacana!

    ResponderExcluir
  9. Eu nunca fui para Olímpia e tenho bastante vontade, mas pela distante acabamos deixando sempre para depois. Meus filhos adoram piscina e acho que seria um passeio bem bacana! Só tenho medo desse brinquedo que é uma bola gigante porque vira e mexe sai notícia de pessoas que se machucam feio nisso!

    ResponderExcluir

Trilhas e Cantos. Tecnologia do Blogger.
Topo