Planejando sua viagem para o Canadá

Já contei sobre as atrações que visitamos no Canadá, no estado de Quebec, Alberta e até um pulinho em British Columbia. Neste post, organizei algumas informações práticas que podem ajudar a preparar a sua viagem para o Canadá.

Documentação e vistos

Quando fomos comprar nossas passagens, a única companhia que fazia voos diretos para o Canadá era a Air Canadá. Mas os preços eram bem mais altos que as companhias americanas. E teríamos que fazer escala de qualquer forma, pois não há vôos diretos para Montreal.
Assim, tivemos um duplo trabalho: corremos atrás do visto americano e depois do visto canadense.  
Recentemente, o governo canadense iria isentar a necessidade de visto de turismo para brasileiros que tivessem visitado o país nos últimos 10 anos, ou visto americano válido (ou greencard), mas infelizmente, voltaram atrás e nós continuamos precisando providenciar o visto! Que pena, né?
Caso ainda não tenha passaporte, veja aqui o passo a passo.
Árvore de bordo em Montreal

Companhias aéreas e como se locomover

Em geral, as companhias aéreas que voam para o Canadá a partir de são Paulo, são: Tam, Gol, Air Canadá, Delta, United Airlines, Copa. Voamos de American, para Montreal com escala em Miami. Nossa volta foi de Calgary, com conexão em DallasPara voos dentro do Canadá, escolha a West Jet sem medo. Voamos de Quebec para Calgary com esta companhia e foi tudo tranquilo. 
Também nos locomovemos de trem, de Montreal para Quebec, além de cruzarmos a Icefields Parkway (nas Montanhas Rochosas) com carro alugado. Outra forma bacana de conhecer as Rochosas é de motor home, muito comum na região.
Rio São Lourenço, visto do trem a caminho de Quebec

Para onde ir

Se você curte um lugar histórico, o estado de Quebec tem muito a oferecer. Mas leve seu dicionário de francês, porque ali as pessoas não amam falar inglês. A costa oeste destaca-se pela cidade de Vancouver e arredores, mas é nas Montanhas Rochosas, no estado de Alberta, que você terá a sensação que nasceu no lugar errado. Não conhecemos Ottawa nem Toronto, mas todas as pessoas que conhecem falam muito bem. Outras opções menos comuns são conhecer o norte do Canadá, na tentativa de ver ursos polares, ou até a aurora boreal.
Maligne Lake, em Jasper, nas Montanhas Rochosas

Quando ir

Claro que depende muito do que você busca! Fomos no verão, mas pegamos temperaturas agradáveis, especialmente nas Montanhas Rochosas. Por lá, definitivamente o verão é a melhor época, até porque há passeios como do Athabasca Glacier (na Icefields Parkway) ou do Maligne Lake (em Jasper) que operam por pouco tempo, entre o final da primavera, até o final do verão.
Se estiver em Quebec, no finalzinho de março e começo de abril, pode aproveitar as festas típicas que as Sucreries - produtoras de maple syrup - fazem nesta época (fiquei com tanta vontade...). Quanto ao inverno, costuma ser bastante rigoroso, o que pode implicar até em voos cancelados! 
Se quiser saber mais sobre a melhor época para visitar este país, leia este post do blog Viajoteca
Icefields Parkway, no verão: melhor época para aproveitar atividades ao ar-livre
$$$$
Em geral, os produtos não são tão baratos como nos EUA, mas uma viagem pra lá pode sair menos cara que para a Europa. O dinheiro oficial do Canadá é o dólar canadense e costumava ser um pouquinho mais caro que o americano, mas ultimamente, com a alta do dólar americano, o cenário se inverteu.


Hospedagem

Além de hotéis luxuosos como os da rede Fairmont, há hotéis de outras qualidades e preços, além de hostels. Mas o Canadá é pioneiro no sistema de hospedagem Bed and Breakfast. E por falar em "cama e café", nós ficamos em Montréal em um B&B super aconchegante, e em Quebec, em um apê alugado.

Língua

O Canadá é um país bilingue, ou seja: tem duas línguas oficiais. E em todo o país, obrigatoriamente, qualquer informação, placa ou sinalização deve ser escrita em inglês e francês. Vimos um caso em que uma companhia aérea foi multada por não colocar um anúncio em francês. Apesar de a maioria da população canadense ter preferência pelo inglês, a província de Quebec defende com "unhas e dentes" o seu direito de falar (apenas) francêsE, acredite, ainda existe um movimento separatista na província de Quebec. 
Restaurante na cidade de Quebec: apenas em francês...

Alimentação

Há muitos costumes alimentares parecidos aos americanos, mas fiquei com a impressão que os canadenses são um pouco mais saudáveis... No Quebec, na contramão da alimentação saudável, experimente a poutine, um prato feito com batata frita, queijo e molho. Não é dos pratos mais bonitos, mas é bem gostoso!!!
Poutine (imagem: www.wikipedia.com)
Gostou deste post? Foi útil? Então, quando for escolher seu hotel em qualquer cidade do Canadá, que tal fazer sua reserva pelo booking, através do nosso blog? Você pagará o mesmo preço, e nós ganhamos uma pequena comissão!!! É só seguir este link aqui!!

Veja todos os posts sobre o Canadá:
Província de Quebec:
Montreal
Quebec City
Caminho do Rei

Montanhas Rochosas:
Banff National Park
O que fazer em Banff 
Jasper National Park
O que fazer em Jasper
Icefields Parkway

Já curtiu nossa página no facebook? Segue nosso instagram? Passe lá!!!!

2 comentários

  1. Liliane adorei suas informações. Confesso que Canadá está na minha lista só esperando o dólar baixar. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Bárbara!!! Tomara que este dólar baixe logo, né?? Beijos!!!!!!!

      Excluir

Trilhas e Cantos. Tecnologia do Blogger.
Topo